Gresham Machen sobre o Natal

Publicado em: 29 de dezembro de 2010 Por: Rev. Ageu Magalhães

“Eu não quero dizer que é errado comemorarmos o nascimento de Jesus. Nós celebramos o Natal e está correto fazermos isto. Felizes nesta época de Natal, que nós acabamos de passar, foram aqueles que não tiveram momentos de festividade mundana, mas um tempo de comemoração da vinda de nosso Salvador bendito a este mundo. Felizes foram aqueles homens, mulheres e crianças que ouviram, paralelamente a todas as suas alegrias Natalinas, com fé simples e inocente, a doce história que nos é contada em Mateus e Lucas. Felizes foram aqueles celebrantes de Natal a quem os anjos trouxeram novamente, pela leitura da Palavra de Deus, suas boas notícias de grande alegria.

Sim, eu digo, graças a Deus pela época do Natal; graças a Deus pelo amolecimento que ela traz aos corações duros; graças a Deus pela identificação que ela traz para as crianças pequenas a quem Jesus tomou em seus braços; graças a Deus, até mesmo pela tristeza estranha e doce que ela traz para nós, juntamente com suas alegrias, quando pensamos nos entes queridos que se foram. Sim, é  assim que devemos celebrar o Natal e que Deus nos dê sempre um coração de criança para que possamos celebrá-lo corretamente.

Mas, sobretudo, meus amigos, não é o Natal o maior aniversário na Igreja Cristã. Não é o nascimento de Jesus que a Igreja principalmente comemora, mas a sua morte.”

MACHEN, J. Gresham. God Transcendent. Edinburgh: The Banner Of Truth Trust, 1982, p. 202.

Compartilhe nas redes!

Newsletter

Inscreva-se para receber novos artigos do Blog.



Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Artigos Relacionados:


Ataque dos cães feministas

Publicado em: 1 de março de 2022 Por: Rev. Ageu Magalhães
Homens de Honra

Publicado em: Por: Rev. Ageu Magalhães
Salomão foi salvo?

Publicado em: Por: Rev. Ageu Magalhães
Pastoras… Por que não?

Publicado em: 26 de outubro de 2021 Por: Rev. Ageu Magalhães
Campos de Concentração no Brasil

Publicado em: 17 de março de 2021 Por: Rev. Ageu Magalhães
Cybergnosticismo – Os Guinness

Publicado em: 24 de junho de 2020 Por: Rev. Ageu Magalhães