Pétalas Maltratadas

Hoje, voltando para casa, dois ônibus passaram por mim abarrotados de pessoas. Na parte da frente, ao lado do motorista, a imagem de algumas mulheres em pé, imprensadas contra o vidro. Fiz o poema abaixo pensando nas milhares de mulheres que sofrem em nossa sociedade injusta.
PÉTALAS MALTRATADAS
Nos pontos de ônibus,
Inda escuro, madrugada,
Pensamentos na família,
Pétala maltratada.
No aperto do transporte,
Uma nova empreitada,
Desconforto, desrespeito,
Pétala maltratada.
No serviço, ledo engano,
Independência de fachada,
O chefe é o tirano,
Pétala maltratada
No retorno para casa,
Dupla jornada anunciada,
Cuidar da casa, filhos, marido,
Pétala maltratada.
Sociedade feminista,
Que de benefício não traz nada,
A submissão foi para o chefe,
Pétala maltratada.
Só em Cristo há o resgate,
Da condição outrora honrada,
Na missão de mãe, esposa e mestra,
A pétala é restaurada…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *